Entidade Associado

Junta de Freguesia de Vila de Rei

Vila de Rei

Breve Resenha Histórica

Tendo a Rainha Stª Isabel por padroeira e foral doado pelo Rei D. Dinis em 1285, Villa d´el Rei é uma antiga povoação beirã, situada no Centro de Portugal, assinalado pelo marco Geodésico existente a escassos quilómetros, mais precisamente na Serra da Milriça.

Vila de Rei é uma freguesia do Concelho de Vila de Rei, situada no distrito de Castelo Branco, com 2610 habitantes distribuídos por um território de 142.02 Km2 de área.

De acordo com os vestígios mais antigos, que existem no concelho, terão sido os Celtas e depois os Romanos os primeiros habitantes da região. O topónimo da freguesia tem sido sempre relacionado ao foral de D. Dinis, embora este tenha sido reformado e substituído pelo de D. Manuel I, em 1513.

Já no século XIV, tanto a Ordem dos Templários como a Ordem de Cristo, povoaram, desenvolveram e defenderam este território. Em 1320-21, segundo o arrolamento paroquial realizado em todo o país, Vila de Rei era proprietária de uma grande igreja, pelo menos de grande peso económico, pois a sua paróquia aparece dotada com uma taxa de 320 libras que, além de elevada, era rara no país. Esta igreja, pela importância que tinha no século XVIII, foi dada, em 1744, ao Infante D. Pedro, como grão-prior do Crato.

Em termos administrativos, a longevidade de Vila de Rei teve um momento de declínio. Entre 1895 e 1898, o concelho foi extinto, na sequência de uma reforma administrativa, mas acabou por ser restaurado no seguimento de uma contra-reforma. Porém, e apesar da longa existência do concelho de Vila de Rei, o seu desenvolvimento tem sido demasiado lento, motivado pelo isolamento que a sua condição geográfica lhe impôs e outros fatores humanos, como a devastação causada pelas invasões francesas.

Os últimos anos têm sido, em todo o concelho, de recuperação económica, após algum tempo de decréscimo, tanto a nível económico como populacional, devido ao progressivo envelhecimento da população. Atualmente são predominantes na freguesia as seguintes atividades económicas: a agricultura, beneficiando com a irrigação dos seus terrenos, por várias ribeiras que neles se atravessam; a transformação de carnes e a transformação de madeiras. Lamentavelmente, desde que em 1986 e mais recentemente em 2003 grandes incêndios florestais forçaram ao abandono de alguma população, que vivia quase exclusivamente dos produtos da floresta, esta atividade foi bastante afetada, pois as pessoas que trabalhavam em serrações, na extração de resinas e atividades afins, deixaram de poder contar com a matéria-prima que a rica floresta lhes fornecia.

No património cultural e edificado destacam-se as capelas da Misericórdia, da Senhora da Guia, da Senhora do Pranto e do menino Jesus e a Igreja Matriz.

Como locais de interesse turístico realçam-se o marco geodésico, no topo da Serra da Milriça, o Penedo Furado, a albufeira do Castelo de Bode, Água Formosa e o rio Zêzere que lhe fica próximo.

A gastronomia é fator importante de desenvolvimento do turismo local, ressaltando como pratos típicos, o maranho e o bucho.

 

Mais ofertas

Contactos e Informações

Localização:
Rua Dr. João Germano Neves Silva, 5
6110 Vila de Rei 
Lat.: 39° 40' 32.88" N
Long.: 8° 8' 44.736" W

Telefone: Junta de Freguesia: (+351) 274 898 457 Loja Água Formosa: (+351) 274 898 334
E-mail: junta-viladerei@sapo.pt
Website